Bem-vindo

Venha e junte-se a nós

  • Simples para publicar
  • Rápido feedback
  • Compartilhe com o mundo
/

Ou logue usando:

Esqueceu a Senha?

Capítulos (1 de 3) 12 Mar, 2019

UM NOVO CAMINHO

 

 Na casa da adivinha Atreus e seus amigos estavam sentados esperando que ela lhe falasse às informações que eles queriam, mas ela permanecia em silencio fazendo carinho em um gato branco de olhos bem avermelhados, em um pequeno movimento de tooldy em direção a uma caixinha brilhosa a adivinha lhe repreendeu e disse que ninguém poderia troca na caixa.

-Eu sei que vocês querem recuperar seus amigos parentes, que é algo muito perigoso e difícil, mas não e impossível, então vocês devem ir ate uma cidade chamada vila dos lagos, La iram encontrar um senhor chamado Ali Grammy, Ele foi ate agora o único que viu sleider e sobreviveu, Ele pode ajudá-los, mas vocês terão que demonstrar que são dignos de forma que ele aceite ajudá-los.

Dito essas palavras Atreus pegou tooldy em seus braços e partiram em direção a floresta das sombras, em meio ao caminho eles falavam de como iriam ser dignos de aprender seus segredos, mas pela primeira vez na vida Atreus parecia bem confiante e disse.

-Não se preocupe Jane, tudo vai dar certo.

-Como assim, você acha que simplesmente ele vai nos ajudar?

-Tenho certeza que não vai ser assim, mas olha, eu só fazia estudar antes de vir para esse mundo, muitos dos meus colegas de classe me humilhavam por eu ser diferente, nem a própria professora gostava de min... Bom mas tudo isso mudou, agora estou em um lugar diferente com um objetivo importante.

-Entendo você, eu vivia em um tempo onde a água era a maior riqueza, eu passava uma semana procurando ouro só para poder beber água.

Em quanto eles conversavam a noite foi chegando bem lentamente, então eles avistaram uma cabana com dois andares, onde decidiram passar a noite, ao entrar se acomodaram e com mais uma demonstração de habilidade jane acendeu uma fogueira no centro da cabana.

-Olha Jane, você e uma pessoa incrível e forte, eu sempre fui fraco, mas agora cinto que estou ficando mais forte, porem tem uma coisa para te falar, lembra quando o velho estava transformado em urso e de repente ele caiu do penhasco?

-Sim lembro, mas o que é que tem?

-Então ele não caiu sozinho, eu empurrei ele.

-Como assim, eu vi você perto de mim.

-Eu não sei como, mas a adaga que você me deu pode pausar o tempo por alguns segundos.

-A adaga?

-Sim, quando ele foi atacar você e o tolldy eu pulei em suas costas e ele me jogou no chão, nesse momento eu peguei a adaga e ela começou a brilhar, me deu uma proteção prateada e o tempo parou, ai eu peguei as correntes e o amarrei, depois derrubei ele.

-Nossa isso e incrível, quando eu achei ela, um a adivinha me disse que ela era especial e que deveria ser dada a uma pessoa que precisa-se dela.

-UAU, pelo jeito essa adaga e bem importante.

Em quanto eles conversavam surgiu um som de uma criança chorando, eles levantaram e perguntavam se tinha alguém ali, tolldy se escondeu nas costas de Atreus, ele foram em direção da escada lentamente, subiram os degraus barulhentos, encontraram uma porta, Quando eles entraram na sala encontraram uma menina que estava chorando, Atreus e tolddy se aproximaram porém ela assustou-se e foi até o canto da sala e começou a gritar, Jane alertou a Atreus que ela não falava sua língua, Jane se aproximou da menina e falando normalmente consegui entender o que ela falava,Atreus não entendeu como ela tinha feito isso é perguntou como ela consegui entender.

-Eu uso esse tradutor universal, ele me permite entender e me comunicar em várias línguas, e bem útil.

Em quanto eles conversavam surgiu entre as paredes um bando de criaturas cinza, Era um bando de fantasmas, eles São criaturas perigosas que não tem olhos, mas escutam o menor ruído, não tem pernas porém são dotados de grandes garras e podiam atravessar as paredes e objetos, também não podem ser afetados por armas físicas, só podem ser afetados por magia.

Quando Jane percebeu a presença dos fantasmas, correu e pegou a menina e tolddy no colo e se escondeu atrás de um grande monte de ferro, Atreus foi lançado pela porta e quase caiu escada abaixo, Ele levantou e correu para fora da cabana, todos os fantasmas o segui, pois fez muito barulho, Jane apareceu em uma janela e disse para ele correr e tentar não fazer barulho, Atreus correu em meio da florestas com todo o bando o perseguindo, então ele foi em direção a uma parte baixa na floresta.

Atreus pegou a adaga nas mãos e tentou se esconder atrás de uma árvore, porém foi surpreendido por um dos fantasmas que com um só golpe cortou e derrubou a árvore, com rápidos movimentos Atreus co segui desviar dos golpes dos fantasmas, mas quando decidiu atacar um com a adaga atravessou seu corpo e foi atingido no olho.

Com o olho sangrando e já bem cansado, Atreus procurou um lugar para se esconder, mas os fantasmas estavam bem em sua cola, Atreus caiu já quase sem força no pequeno Rio, parecia ser seu fim pois sem forças de correr os fantasmas iriam o matar, quando o bando chegou não acharam ele com facilidade pois sua respiração estava muito forte, aproximaram dele fazendo um círculo, e quando estavam preste a tirar sua vida, surgiu uma luz em meio a escuridão, Atreus não sabia o que era mas desejava que fosse algo para ajudá-lo.

Nesse exato momento surgiu uma grande raposa branca de olhos azuis da floresta, ela pulou e pegou Atreus em sua boca e voltou para onde ela estava, os fantasmas foram para atacar eles, porém com um rápido movimento ela virou e mostrou suas três caudas, seus olhos brilharam bem forte e de sua boca saiu uma bola de magia que explodiu nos fantasmas fazendo eles fugir.

A raposa virou para Atreus e olho em seus olhos, ele estava assustado porém não sentiu medo da raposa, ela aproximou-se dele e passou a língua em seu olho fazendo com que a ferida ficasse melhor, nesse exato momento caiu uma gota rosa do olho de Atreus, a raposa parecia surpresa com a lágrima, Jane estava se aproximando do local então a raposa saiu rapidamente, Jane e os outros chegaram e encontraram Atreus.

Jane ajudou Atreus a voltar para a cabana, o deitou no chão da sala e sentou em seu lado, tolddy subiu em cima dele e começou a colocar um pó seus ferimentos fazendo ele ficar melhor, Jane perguntou o que tinha acontecido, mas ele estava bem fraco e acabou dormindo.

A menina se aproximou é disse.

-Desculpa, eu não queria chamar atenção dos fantasmas, eu estava com medo e me assustei.

-De onde você é menina e qual é seu nome?

-Me chamo Eliza e sou da Vila das águas, Eu me perdir do meu avô quando estava procurando frutas e acabei parando aqui.

-Eu me chamo Jane, Eu,Atreus e tolddy estamos indo para sua vila,podemos te ajudar à encontrar seu avô, Mas enquanto isso vamos dormir e descansar.

Então depois de um dia tão cheio de problemas todos foram descansar, e enquanto todos dormiam uma luz surgiu quase imperceptível, Era a raposa, ela se aproximou da janela e falou para um ser desconhecido.

-Tenho quase certeza que vi seu olho ficar rosa, Talvez ele possa ser o Gurani.

-Gurani? Ele é só um garoto, como poderia ser tão forte?

- Lembre-se Que o tempo está alterado, no futuro o gurani era adulto, mas ele pode ser o gurani do passado e ainda não sabe do seus poderes.

- Bom se ele é o tal gurani iremos saber.

- Certamente, fique de olho nele, Não quero que você sabe qual bote as mãos nele.

Então tudo voltou a ficar escuro e não se ouvia mais a voz de ninguém, a Noite foi passando lentamente até que a luz do sol surgiu no po tô mais alto do monte, Jane como sempre acordou cedo e saiu em busca de alimento, Quando retornou encontrou Todos já acordados, então sentaram e foram comer.

Jane Entregou a Atreus um de seus tradutores, e disse que daquela forma ele iria poder falar com todos, todos comeram e rapidamente foram em direção a vila das águas.

Quando chegaram nos grandes portões da cidade um grupo de guardas os avistou, rapidamente se aproximaram e quando viram a menina com eles apreenderam Jane e Atreus pois achavam que ela tinha sido seqüestrada por eles.

- Não, Não eles me ajudaram. Disse Eliza.

Quando entenderam que eles ajudou Eliza a voltar para casa lhe deram os parabéns e levaram eles até a casa do avô de Eliza.

Eles chegaram até uma grande casa de pedras, parecia ser bem antiga, então entraram e foram recebidos por uma criatura peluda e branca, Atreus e Jane pegaram suas armas, mas Eliza lhe disse que ele não era perigoso, Na verdade ele era um bizão, os bizão são bem calmos e brincalhões, costumam ficar em bandos porém aquele supostamente seria o último da espécie.

- Esse é o Apa, disse Eliza, eu e meu avô o encontramos na neve sozinho, toda sua família desapareceu na escuridão.

Enquanto Eles conversavam o avô de Eliza se aproximou é com um pulo muito forte abraçou a garotinha muito forte.

- Minha Eliza! Pensei que tinha te perdido.

- calma vovô, eu estou bem, Eles me ajudaram a voltar para casa.

Olá eu me chamo Grammy, sou o avô de Eliza, agradeço muito por vocês terem ajudado ela, por favor venham comigo.

Então todos foram para a cozinha onde foram bem recebidos, o Sr Grammy lhes fez um grande banquete e os hospedou, depois que comeram todos foram para a sala e começaram a se conhecer, em meio a conversa Jane disse que estava em busca de um senhor que sobreviveu a sleider, quando ela terminou de falar o Sr Grammy olhou em seus olhos e disse.

- O Senhor que sobreviveu a Ele sou eu.

Jane e Atreus se espantaram e pediram sua ajuda, afirmando que eles precisavam salvar seus amigos, o Sr Grammy não gostou muito da idéia, tinha medo de perder tudo que tinha conquistado depois da escuridão, mas ao olhar para os olhos de Atreus ele aceitou ajudá-los.

Então no dia seguinte ao amanhecer o Sr Grammy levou eles ate uma sala onde tinha muitas coisas, estava uma bagunça, e no fim daquela sala tinha um espelho, todos foram em direção dele, o Sr Grammy fechou os olhos e disse.

-Esse e a porta para a sala espelhada, ou melhor, mundo espelhado, La vocês iram passar três dias, que e o equivalente a três hora aqui, vocês iram ter que procurar uma arvore dentro de uma caverna, quando encontrarem ela comam de seu fruto, porem não vai ser nem um pouco fácil pois a arvore tem um guadiao, e vocês precisaram um do outro e ter muita coragem.

Depois de falas essas coisas ele colocou no espelho uma pequena pedra verde e disse que aquele fruto iria aumentar suas capacidades, mas que depois iriam precisar aprimorar elas.

Então Atreus e Jane entraram no espelho, Tooldy tentou entrar mas foi impedido, pois seria muito perigoso para ele.

Continua... 

Compartilhar: